segunda-feira, 9 de abril de 2012

De Repente...


É assim, de repente você acorda todos os dias ás 7 horas da manhã para tomar a medicação... De repente você nem sabe mais quantas vezes foi ao banheiro, se foram 5, 6 ou 10... De repente as pessoas estão falando com você sobre a doença... De repente você se olha no espelho e... e... é isso!
Se eu ainda sofro? Claro! Tem dias que dói. Dói quando o medo de passar mal é maior do que a vontade de beber um pouco na balada, dói quando encontro pessoas que poderiam me fazer felizes estão acompanhadas de novas pessoas, dói quando conheço alguém novo e não sei se me boicoto antes de sentir algo e sofrer mais ainda, dói quando penso em meus pais, dói quando penso em mim. Mas como eu disse, agora isso ocorre em períodos mais espaçados. Consigo sorrir de verdade, consigo olhar para meu futuro.
Venho escrevendo menos, e já havia decidido só escrever aqui coisas relacionadas ao HIV, e aos poucos ele entra na minha rotina. Desculpe não ter muitos textos novos, mas saibam que continuo aqui na luta e coisas boas estão para se concretizar. Aí sim irei comunicar todos!

Um comentário:

Anônimo disse...

Quais remédios você está tomando?